10 dicas para se tornar um bom professor

professora

Um bom professor é a base de uma educação de sucesso, e para que isso aconteça é preciso ter uma série de habilidades pessoais e profissionais. Porque ensinar não é somente transferir conhecimentos. É muito mais. Trata-se de saber criar as condições necessárias para que os alunos aprendam a pensar e a construir o seu próprio conhecimento sobre o mundo que os rodeia.

Um bom professor necessita não somente de um amplo conhecimento da matéria que ensina e um plano de estudo; necessita ser entusiasta, carinhoso e empático, mas também firme e respeitoso, respeitável, flexível e comunicativo. Estas, entre outras características completam as chaves para ser um bom professor. Hoje, ressaltamos 10 delas que nos parecem imprescindíveis.

As chaves para ser um bom professor

 

Um bom professor entre as muitas habilidades que deve desenvolver tem que demonstrar acima de tudo:

1. Empatia, para se colocar no lugar do aluno e entender suas dificuldades ou inquietações; entender-lhe e ajudar-lhe a superar os obstáculos que o freiam ou para ajudá-los nos objetivos necessários que lhes permitam ir mais longe.

2. Paciência, para tratar tanto com aqueles alunos que dão trabalho como para os que sempre querem mais, para saber esperar aos mais lentos, mas também para se adaptar aos que acabam tudo muito rápido.

3. Entrega pela sua profissão e pelo trabalho que exerce. O bom professor se preocupa em transmitir e contagiar o afã de superação que implica em aprender sem se importar com o número de alunos por classe nem das diferenças cognitivas, culturais, sociais e econômicas que existam entre eles.4. Entusiasmo pelo que faz, capaz de motivar os seus alunos e contagiá-los na vontade de aprender e saber. Um entusiasmo capaz de chegar ao aluno e fazê-lo despertar a curiosidade por tudo que o rodeia.

5. Criatividade. Um bom professor tem que ser capaz de ser criativo tanto no modo de atrair a atenção dos alunos como na forma de expor seus conhecimentos criando lições únicas, cativantes e dinâmicas.

6. Flexibilidade. Diante de uma situação especial ou problema deve ser capaz de mudar e encontrar o caminho para que todos os alunos compreendam o conceito que estiver explicando. Mudar o rumo e se adaptar às necessidades de toda a classe.

7. Coerência nas suas decisões. Um bom professor deve saber impor normas e regras na sua sala de aula, coerentes e consistentes. Deve exercer a autoridade que sua posição lhe outorga sem cair no autoritarismo, o que lhe tiraria a credibilidade e o afastaria dos seus alunos. Por exemplo, se não permite aos seus alunos mascar chiclete, também não deve fazê-lo.

8. Humildade. Um bom professor, por mais que se esforce pode não ser infalível. Como qualquer pessoa pode cometer erros. Ser capaz de reconhecê-los, admiti-los e pedir desculpas é uma qualidade que sempre jogará a favor do professor, aumentando a confiança das crianças nele, já que o verão como ele é, um ser humano.

9. Respeito consigo mesmo, com seus companheiros e obviamente com seus alunos e respectivos pais. Se existe algo que os professores devem levar em conta é que são um modelo a seguir para cada um dos alunos que os observam constantemente como agem, falam, se movem respondem ou se vestem.

10. Responsabilidade, já que trabalha com um material muito sensível. As crianças e precisamente a formação dos seus alunos é o trabalho mais importante que tem um professor responsável chega sempre pontualmente às suas aulas, prepara bem as aulas, motiva os seus alunos, é criativo e comunicativo, atento e paciente, buscando sempre o melhor para todos eles.


 Curta o TOPP no facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *